Sinusite: uma das complicação das gripes e resfriados

A sinusite é definida como um processo inflamatório da membrana que reveste o nariz e as cavidades ao seu lado, chamadas seios paranasais. Os sintomas mais comuns no quadro agudo são: dor na região superior dos dentes, sensação de pressão na face, congestão e obstrução nasal com secreção espessa pelo nariz e garganta. Outros sintomas, como febre, dor de cabeça, dor de ouvido, tosse e mau hálito podem também acompanhar o quadro. Um sintoma muito comum é a tosse irritativa noturna, pois ao deitar as sensações descem pela garganta e irritam as vias aéreas, desencadeando a tosse. O diagnóstico é feito pelo quadro clínico e pela observação do local pelo otorrino e ainda, se necessário, exames de imagem.
A gripe ou resfriado arrastados, com duração acima de 5 ou 10 dias, trazem em geral complicações como a pneumonia e a sinusite. O tratamento da sinusite é eficiente com anti-inflamatórios, descongestionantes e antibióticos, às vezes mantidos por 15 dias.
A sinusite tem cura, porém alguns indivíduos têm sinusites de repetição por problemas locais, principalmente os que têm rinites e desvio do septo. A maior parte dos pacientes melhoram com tratamento clínico. Alguns casos podem evoluir para obstruções importantes e necessitam procedimentos invasivos, pois a proximidade com a região cerebral pode levar a uma infecção mais grave. Procure seu médico para uma avaliação especializada.

Deixe uma resposta